Package Details: warsaw 1.12.3.11-2

Git Clone URL: https://aur.archlinux.org/warsaw.git (read-only)
Package Base: warsaw
Description: Banking security tool developed by GAS Tecnologia
Upstream URL: https://seg.bb.com.br
Keywords: Banco BB Brasil Caixa CEF Econômica Federal Itau
Licenses: custom
Submitter: rafaelff
Maintainer: mesmer
Last Packager: rafaelff
Votes: 28
Popularity: 6.929545
First Submitted: 2017-03-08 22:36
Last Updated: 2017-04-07 18:02

Latest Comments

esauvisky commented on 2017-06-25 09:15

Para quem receber uma mensagem de que o "Módulo de segurança não está instalado" ou está desatualizado (no meu caso, pelo Banco do Brasil), não se dê ao trabalho de clicar em atualizar/instalar, baixar o "diagbb", ou nada disso.

A solução que encontrei é mais simples, não requer reiniciar nem o sistema nem o próprio navegador:
- Reinicie o serviço do Warsaw
# systemctl restart warsaw.service
- Abra a página de Diagnóstico do Warsaw pelo mesmo navegador que for utilizar
http://www.dieboldnixdorf.com.br/warsaw
- Selecione seu banco e aguarde a mensagem indicando que o Warsaw foi devidamente atualizado.

Pronto! :)

dsboger commented on 2017-06-25 00:50

Fiz mais alguns testes e descobri que as bibliotecas inclusas podem ser ou removidas ou substituídas pelas do sistema (precisa linkar algumas dentro de /usr/local/lib/warsaw). Pra mim funcionou, pelo menos, então acho que vale a pena investigar.

PKGBUILD: https://pastebin.com/SZB92P5G

EDIT: versão que gera o pacote pra i686 corretamente:
PKGBUILD: https://pastebin.com/JQQWmzwi

dsboger commented on 2017-06-24 19:35

No final do ano passado, eu fiz um PKGBUILD que funciona direto pra mim no Firefox e no Chrome (depois de ativar a flag #allow-insecure-localhost). A principal diferença é que instalei tudo em /usr/local mesmo, sem tentar ajustar pros caminhos recomendados pelo Arch. É claro que o namcap reclama um monte, mas não sei se tem como evitar... Outra coisa que fiz foi, dentro do warsaw.install, chamar o wscertmgr no post_inst() pra gerar as chaves e certificados; também copiei um trecho do warsaw_x64-1_uninstall.sh que remove os certificados e chaves no post_remove().

Aquele erro do AT-SPI (comentário do tbernardes) não aconteceu comigo, mas eu vi no pacote .deb oficial (https://cloud.gastecnologia.com.br/bb/downloads/ws/warsaw_setup.deb) que eles ativam a acessibilidade no script postinst. Não faço ideia do porquê, mas AT-SPI tem a ver com isso, então pode ser a razão.

Eu chamei o pacote de warsaw-bb, mas não sei se faz sentido. Tem mais algum banco que ainda usa esse warsaw?

Minhas tentativas (NOTA: peguei algumas ideias desse PKGBUILD aqui):
PKGBUILD: https://pastebin.com/8npHwSJB
warsaw-bb.install: https://pastebin.com/G3CBKTS5

EDIT: meu descritor de serviço do systemd também é diferente:
warsaw-core.service: https://pastebin.com/Tntrx3ei

mesmer commented on 2017-06-21 06:56

amanha vou fazer rework em todo o pkgbuild, e deixar funcional, por enquanto siga o @Junio disse que deve funcionar

Junio_Calu commented on 2017-06-13 00:51

Agora está funcionando perfeitamente pra mim com BB :D

Junio_Calu commented on 2017-06-07 22:26

Peguei esse tutorial do viva o linux, ainda não testei. https://www.vivaolinux.com.br/topico/ArchLinux/Warsaw-no-arch

Tutorial WARSAW para arch linux:

Baixe o pacote do aur com comando yaourt -G warsaw;
Entre na pasta que foi criada e rode o comando makepkg -o –force (‘-o’, pois queremos que ele só crie a estrutura para compilação, e não compile;
Entre, então, no diretório src e vá seguindo as pastas até achar o código fonte dessa porcaria, que se não me falha a memória fica em ‘src/warsaw-1.12.3.11/tmp/’ , dentro dela, há uma pasta chamada ‘warsaw_x64’;
Crie uma cópia desta pasta com o comando cp -Rav warsaw_x64/ warsaw_64-local/ ;
Entra na pasta warsaw_x64 primeiro, e rode o comando: ./configure –prefix=/usr && make && sudo make install && sudo chmod a+x -v /usr/bin/warsaw/* ;
Depois, entre na segunda pasta, usando o comando, cd ../warsaw_x64-local , e vamos compilar como fizemos na primeira pasta, só mudando o ‘prefix’ da compilação, ficando assim:
./configure –prefix=/usr/local && make && sudo make install && sudo chmod a+x -v /usr/local/bin/warsaw/* ;
Feito isso, volte a raiz do primeiro diretório do programa(aquele que tem o PKGBUILD).
Vamos precisar do arquivo ‘.service’, que acompanha o pacote.
Copie o mesmo para o diretório do systemd, com o comando sudo cp -Rv warsaw.service /usr/lib/systemd/system/ e ative o serviço com sudo systemctl enable warsaw.service ;
AGORA, É MUITO IMPORTANTE ESSE PASSO!
NÃO PULE-O DE JEITO NENHUM, OU A PORCARIA DO PLUGI-IN NÃO VAI FUNCIONAR!!!
Abra um terminal, vire root com sudo su, e entre no diretório /usr/local/bin/warsaw , e rode o comando ./wscertmgr .
Ele irá gerar o certificado que precisamos pra essa coisa funcionar.
Depois, faça a mesma coisa, no diretório /usr/bin/warsaw .
Reinicie a máquina.
Quando ela iniciar, provavelmente você já vai ver que o serviço está rodando no boot, se você tiver o modo verbose do grub ou de outro gerenciador de boot, ativo.
Pois bem, assim que inicar, vamos confirmar se está tudo certo.
Primeiro rode o comando pra verificar se a porta está “escutando” corretamente.
O comando é netstat -an |grep 30900.
Se aparecer algo assim,
tcp 0 0 127.0.0.1:30900 0.0.0.0:* LISTEN

é porque até aqui, deu tudo certo(o que não quer dizer nada, pois ele é bem instável…).
Vamos conferir o serviço:

sudo systemctl status warsaw.service


é pra aparecer:

● warsaw.service - Warsaw Technology (core)
Loaded: loaded (/usr/lib/systemd/system/warsaw.service; enabled; vendor preset: disabl
Active: active (exited) since Sun 2017-03-12 17:46:08 -03; 4h 13min ago
Main PID: 459 (code=exited, status=0/SUCCESS)
CGroup: /system.slice/warsaw.service
└─475 /usr/bin/warsaw/core

mar 12 17:46:08 airiin systemd[1]: Starting Warsaw Technology (core)...
mar 12 17:46:08 airiin wscertmgr[439]: Verifying...
mar 12 17:46:08 airiin wscertmgr[439]: Ok!
mar 12 17:46:08 airiin systemd[1]: Started Warsaw Technology (core).

Por último e mais importante: vamos ao teste!

Abra o firefox ou o chrome e entre no banco do brasil.
Ele pode demorar um pouco, mas é pra entrar.
Se entrou, parabéns, você conseguiu instalar essa porcaria com sucesso!
Agora se não entrou, aí, meu amigo, “cê tá na roça”…

Considerações:

Talvez a compilação e instalação nos dois diretórios (/usr e /usr/local) não seja necessária, mas pra mim, foi o único jeito.
Fazer link simbólico do /usr pro /usr/local como o próprio pacote sugeriu, não funcionou comigo.
TESTE, talvez funcione com você.
Também, pode ser que funcione em outras distros que não sejam derivadas do arch.
Basta baixar o warsaw do AUR, que vou por junto com essas instruções e tentar fazer o mesmo, observando sempre as dependencias do pacote(pra quem quiser saber quais são, é só abrir o PKGBUILD e dar uma olhadinha ;) ).

Acho que é isso...

mesmer commented on 2017-06-02 16:32

Estou adotando e vou tentar uq puder para fazer isso funcionar

espinafre commented on 2017-05-18 02:56

rafaelff, deixo aqui meu muito obrigado pelo esforço e pelo trabalho realizado, tenha certeza que você ajudou muita gente com isso.

rafaelff commented on 2017-05-18 02:37

Pessoal, desculpe, mas não estou tendo tempo para testar e manter esse pacote (leia-se, desvendar essa caixa preta). Então, vou torná-lo órfão para que, quem quiser, outra pessoa com mais disponibilidade possa atuar nele.

capoeira commented on 2017-05-18 01:55

Wesley, veja o comentário em 2017-05-10 03:33

All comments